Artigos

Dicas para uma alimentação saudável nos dias quentes

por Nutricionista Rita Novais

Não é necessário ser radical e cortar todos os alimentos gordurosos, porém, o exagero neste tipo de comida é o maior fator de risco para problemas ocasionados durante o verão. O principal a ter em mente é consumir principalmente alimentos que sejam de fácil digestão e muito líquido.

No verão é comum o organismo das pessoas se desidratar, pois com o excesso de calor, os indivíduos transpiram e perdem mais líquidos. Ingira bastante água, uma boa opção para hidratar o corpo é o consumo de água de coco e sucos naturais.

A alimentação saudável, rica em vegetais e líquidos, além de pobre em gorduras insaturadas e açúcares, ajuda o corpo a ficar mais hidratado e protegido.

Alimentos indicados:

Frutas, verduras, legumes, folhas verdes, cereais integrais, pães integrais, carnes magras, queijos menos gordurosos, sobremesas à base de frutas e muitos líquidos.

  • Alimentos a serem evitados: alimentos gordurosos (carnes gordas, queijos gordurosos, molhos à base de creme de leite, maionese). Evitar frituras e maneirar nas bebidas alcoólicas. Pois no verão nosso organismo fica mais sensível aos condimentos fortes e às gorduras, podendo causar desconforto e mal-estar.
  • Frutas e legumes como mamão, cenoura, abóbora, manga e acerola preparam a pele para um bronzeado bonito e duradouro e são responsáveis em evitar o envelhecimento precoce, pois são ricos em betacaroteno.
  • Fracione as refeições diárias (coma mais vezes, em menor quantidade).
  • Se for comer um sanduíche, escolha os que são feitos com carnes magras, como peito de peru, frango e queijos magros (ricota, cottage). As carnes magras possibilitam uma digestão melhor, evitando o desconforto intestinal.
  • Ingestão de líquidos devem ser frequente (água, sucos naturais, chás e água de coco). Crianças e idosos necessitam de uma atenção especial, pois tendem a desidratar mais facilmente.
  • Prefira os sorvetes ou picolés à base de água e polpa de frutas, pois são os menos calóricos.
  • Cuidado com os alimentos feitos com leite, gordura e ovos na sua preparação. Necessitam de refrigeração adequada, pois o calor aumenta a proliferação de bactérias que podem causar intoxicação alimentar.
  • Evitar alimentar em locais que não apresentam boas condições de higiene.
  • Seja criterioso ao escolher locais para consumir frutos do mar e pescados. Procure saber a procedência dos alimentos.
  • Não consumir de forma alguma alimentos perecíveis que ficam expostos à temperatura ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *